As chances de rebaixamento no Brasileirão 2019

In Apostas Esportivas
rebaixamento

O Campeonato Brasileiro entra em sua 29ª rodada neste meio de semana e marca o início de uma contagem regressiva: faltam apenas 10 rodadas para o final da maior competição do futebol nacional.

Na parte de cima da tabela a briga é grande por uma das vagas na Copa Libertadores da América e a disputa pelo título já parece bem encaminhada, já que o Flamengo aparece atualmente com 10 pontos de vantagem para o vice-líder e não parece que terá uma queda significativa de rendimento nesta reta final.

Os quatro primeiros colocados conquistam uma vaga direta na fase de grupos da Copa Libertadores, e o quinto e sexto colocados disputam a primeira fase da competição que é popular e erroneamente conhecida como Pré-Libertadores.

Vale lembrar que no caso de o Flamengo conquistar o título da Libertadores e terminar no G4 neste ano a situação muda, e neste caso os 5 primeiros iriam para a competição continental diretamente para os grupos e além do sexto colocado o sétimo também iria para a primeira fase.

Além da briga na parte de cima da tabela neste ano a briga contra o rebaixamento também promete pegar fogo, com duas grandes equipes correndo riscos de na próxima temporada estarem na Série B do Brasileirão.

O gigante que corria mais riscos nesta temporada por conta dos resultados atuais era o Cruzeiro, que vive crise dentro e fora de campo. Vale lembrar que este seria o primeiro rebaixamento da história do Cruzeiro no Brasileirão.

Porém, duas vitórias consecutivas contra a dupla Corinthians e São Paulo acabaram aumentando as chances de os mineiros permanecerem na elite. Segundo os matemáticos da UFMG hoje as chances de o Cruzeiro ser rebaixado são de 37,5%.

O outro grande clube ainda ameaçado pelo rebaixamento com chances reais de queda é o Fluminense, que aparece com 31,9% de chances de visitar a Série B por mais uma vez em sua história.

O Fluminense é o protagonista de uma das mais improváveis histórias de fuga do rebaixamento no Brasileirão. Em 2009 a equipe tinha 99% de chances de cair para a Série B e com uma arrancada heroica conquistou 19 dos 21 pontos possíveis nas 7 últimas rodadas.

As maiores chances de rebaixamento, quase 100%, ficam por conta das equipes catarinenses: enquanto o Avaí tem 99,73% de chances de ir para a Série B de 2020 a Chapecoense aparece logo na sequência com 99,08%.

Esta é uma tendência no futebol catarinense em 2019, e o estado que já teve diversos clubes na elite em um passado recente hoje vê o Joinville na Série D, além de Criciúma e Figueirense na zona de rebaixamento da Série B.

Também segundo os matemáticos da UFMG o CSA corre sérios riscos de rebaixamento com 76,5%. Botafogo, Fortaleza e Ceará ainda possuem chances reais de cair.

Para este ano a “nota de corte” deve ser menor do que nas temporadas passadas, e quem fizer 43 pontos muito provavelmente continuará na Série A do Brasileirão.

Aproveite a reta final do Brasileirão e aposte em todas as partidas no Betz Club, esta é a sua chance de faturar enquanto curte os melhores do futebol nacional em ação!

You may also read!

UFC on ESPN 7

UFC on ESPN 7: Overeem vs. Rozenstruik

Após uma pausa de duas semanas o UFC realiza novamente um evento neste final de semana, o antepenúltimo deste

Read More...
Cassinos no Brasil

A Era de Ouro dos Cassinos no Brasil

Existem diversos projetos de lei no país atualmente que visam regularizar a situação dos Cassinos no Brasil. São projetos

Read More...
rebaixamento

Quem ainda corre risco de rebaixamento no Brasileirão 2019?

Faltam apenas duas rodadas para o fim do Campeonato Brasileiro, dois capítulos para o final de mais uma temporada

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu